Jornal Oportunidades
  O seu portal de bons negócios!  
  Domingo, 20/05/2018  
  Incluir Classificado  
  Quem somos  
  Fale com o editor  

 

Ortofrenia

Publicado em 14/05/2018

 

Tarcísio Henriques Filho
(o autor é Procurador da República em
Belo Horizonte, mas gosta de ser lembrado

por sua amizade com o editor deste periódico eletrônico).

Eis mais uma palavra que pouco usamos em nossas conversas e que tem inegável capacidade de “provocar” situações engraçadas.
Qual seria tua reação se alguém lhe encaminhasse para um ortofrenista?
O termo, de acordo com o dicionário Aulete, significa “Estado intelectual normal (…) correção dos desvios ou desajustes intelectuais ou mentais”.
Deste modo, se nos encontrarmos em situação de encaminhamento para um especialista em ortofrenia podemos estar seguros de que o resultado final do tratamento vai ser a recuperação das capacidades mentais normais.
O problema é que para que este encaminhamento aconteça sem grandes “questões”, é fundamental que acha um “tato” muito grande por parte dos “encaminhadores”, se é que você me entende.
Na verdade, não sei como seria com você, mas se fosse comigo, se alguém me encaminhasse a um especialista assim seria espancado, por justos motivos, afinal não saberia, até consultar o dicionário, o que a palavra significava.
Nossa língua é interessantíssima!

Entre em contato   Recomende   Imprimir


Colunas Anteriores

09/05/2018 - Ortivo

01/05/2018 - Orofilia

16/04/2018 - Ornear

09/04/2018 - Novos tempos (final)

03/04/2018 - Novos tempos (IV)

Veja mais...